Vinde a mim os famintos

Se fosse viável fazer uma lista das principais invenções da humanidade, eu certamente elencaria o papel higiênico, o travesseiro, a geladeira, o chocolate, a internet e o miojo como algumas delas.
Sim caros leitores…. o miojo É uma das principais invenções. Pergunte para qualquer professor ou aluno universitário, ou ainda para quem tem pressa na hora do almoço.

O criador desse “manjar do tempo curto” chamava-se Momofuku Ando (parece nome de piada com nome de japonês…. lembra do pedreiro Takamassa Nomuro ou o Fugiro Nakombi? Então… por aí).
Segundo ele, o objetivo da criação do macarrão instantâneo era acabar com a fome no mundo. Infelizmente não conseguiu, mas criou uma poderosa refeição, seja pelo aspecto econômico, prático ou do sabor. Uma rápida caminhada pelo supermercado revelará uma variedade  curiosa de gostos. Na gôndola dedicada aos miojos, pude encontrar os temperos galinha (caipira), tomate, legumes, carne, feijão (!), picanha (!!), bacon (!!!), camarão (!!!!!), chilli e por aí vai…

Eu, como cozinheiro talentoso (cuidado, momento chef Oliver), procuro inventar quando faço meu miojo. Divido com vocês uma das receitas mais apreciadas aqui em casa: Miojo alla Fix:

Ingredientes:

  • 1 pacote de miojo sabor tomate ou legumes;
  • Cebola picada;
  • Bacon;
  • Tomate;
  • Orégano;
  • Queijo ralado;
  • Cheiro Verde;
  • Azeite;
  • Requeijão

Modo de Preparo:
Numa frigideira coloque o azeite para aquecer. Pique a cebola, o bacon e o tomate (sim, o tomate) e coloque pra fritar. No fim, adicione o cheiro verde para uma leve refogada. Separe.
Faça o miojo da forma tradicional. Adicione o tempero, o bem-bolado da frigideira e misture. Agora jogue o queijo ralado, o orégano e, por último, adicione o requeijão. Mexa bem e despeje a pasta em bloda num prato.
Mamma mia! Mangia che te fa bene!

Essa receita leva um pouco mais de tempo para ser preparada, mas é uma delícia… o requeijão dá uma cremosidade fantástica e o bacon frito com cebola um saborzinho ótimo.

O Inagaki já escreveu sobre isso e o Vinícius, do Morar Sozinho também. Eu ainda confio na minha receita, se comparada com a desses dois….

UPDATE (30/08/08): Pai Frank costuma se manisfestar de formas muito estranhas. Quem diria que 5 dias depois da publicação desse post eu iria descobrir que o Miojo citado nesse texto completaria 50 anso de existência?
Duvida? O Uol fez até vídeo comemorando (?) a data

Um pensamento sobre “Vinde a mim os famintos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s