“O Guia” existe e tem nome: Wikipédia

classroom

“É bom lembrar ainda que, em muitas civilizações da borda mais tranqüilonas da Borda Oriental da Galxáia esse livro já substitui a Enciclopédia Galática como repositório-padrão de todo o conhecimento e sabedoria, pois, apesar de conter muitas omissões e textos apócrifos, ou pelo menos terrivelmente incorretos, ele é superior à obra mais antiga e mais prosaica em dois aspectos importantes. Em primeiro lugar é ligeiramente mais barato; em segundo lugar, traz impressa na capa, em letras garrafais e amigáveis, a frase NÃO ENTRE EM PÂNICO.

O trecho acima foi retirado do livro “O Guia do Mochilero das Galáxias”, de autoria do imortal Douglas Adams. Trata-se, é claro, de um livro de ficcção escrito há muito tempo. Coloque aí umas duas décadas. Apesar desse tempo consideravlemente grande  – quantas coisas já acontecerem em 20 anos? – esse parágrafo permance absurdamente atual.

O Guia do Michileiro das Galáxias existe de verdade, mas com outro nome: Wikipédia. Para mim, esse trecho é a descrição exata do site criado por Jimmy Wales e Larry Sanger. Se considerarmos que a Wikipédia pode ser acessada de BlackBerrys®, Iphones® e outros SmartPhones, temos aí o legítimo “repositório padrão de conhecimento e sabedoria”.

Gostaria de saber, no entanto, se é possível reunir todo o conhecimento do universo, pelo menos do universo terrestre, em um só lugar. Tornar as descobertas de quintilhões de pessoas através de milênios, acessíveis com alguns cliques. Atingiremos o bárbaro estágio de não haver mais escolas, não essas dos modelos tradicionais, no qual o professor é o “amado mestre” que fica em pé (ou sentado, se for escola pública) transmitindo matérias que o querido discente nunca mais se lembrará?

O Twitter, por sua vez, é o “Guia” versão fórum. Nunca na história desse planetinha tantas pessoas falaram o que estavam fazendo, pensando, criando, revolucionando. Com a vantagem de só ter que suportar 140 caracteres de cada vez, já que as pessoas continuam sendo pessoas.

Em uma coisa, pelo menos, a Wikipédia e o Twitter perdem para o Guia. Ainda não tem as letras garrafais e amigáveis com tão sábia frase.

2 pensamentos sobre ““O Guia” existe e tem nome: Wikipédia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s