Intolerância tem dois lados?

Sagaz leitor, esperta leitora: Vocês já pararam para refletir sobre todos os tipos – dos complexos aos banais – de maiorias e minorias das quais fazemos parte? Vamos tomar como exemplo este que vos escreve: Faço parte da maioria que tem cabelo. Ok, a hereditariedade me diz que daqui a alguns anos passarei a integrar a minoria dos pouca-telha, mas isso é outra história. Por outro lado, faço parte dos poucos que chamam Frank. Aposto que você conhece um Sinatra, um Aguiar, um Zappa, um Williams e não passa muito disso.

Agora você está pensando nas suas próprias maiorias e minorias: Peitudas, alfabetizados, fluente no inglês, donos de uma HP12C, criadoras de periquitos australianos… A conclusão óbvia é que todos fazem parte de grupos com muitos adeptos e de grupos praticamente isolados. Tenho certeza também que você está pouco se lixando se seu vizinho consegue lamber a orelha ou se seu colega de trabalho tem Twitter. Mas e quando a pessoa se orgulha disso? Nenhum problema né?

Então qual é a grande diferença para o orgulho das categorias Homossexual/Heterossexual e Negros/Brancos? Porque você pode se orgulhar de ser negro e eu não posso me orgulhar de ser branco? Porque não podemos criar uma “Parada do Orgulho Heterossexual?”

Aqueles minimamente estudados conhecem a história do preconceito racial no Brasil e no mundo. Há algumas décadas, era intolerável que você se auto-declarasse negro e saísse por aí espalhando para todo mundo. Negros era excluídos de times de futebol, clubes comerciais, política… enfim… definitivamente não era uma boa alternativa de vida. Entretanto, o mundo evoluiu e agora ser negro – apesar do preconceito que ainda existe – não é o fim da linha. Nada mais natural que aqueles que no passado foram reprimidos expressem o orgulho de ter a pele escura em camisetas, bandanas e quaisquer outros acessórios. O mesmo serve para homossexuais, que tinham sua opção execrada pela sociedade e muitas vezes pela própria família.

Agora… experimenta sair por aí usando uma camiseta com os dizeres “100% Branco” e “Orgulho Heterossexual“. Agradeça por não ser linchado em praça pública.

Realmente soa estranho orgulhar-se de ser maioria. Nem faz muito sentido, para falar a verdade. Mas isso não significa uma provocação direta ao lado oposto. Se aqueles que gostam de uma bela nádega feminina podem e devem tolerar aqueles que preferem um peito peludo, o contrário devia valer também. A intolerância não pode ter lado algum!

Lá vai o Toogood ser demagogo e falar que o mundo tem que ser perfeito, todos darmos as mãos e cantar: “Deixa nascer o amor/Deixa fluir o amor/Deixa crescer o amor/Deixa viver o amor”. Não é isso caro leitor. Certas coisas me deixam incrédulo. Certas coisas para mim são inconcebíveis. Não entendo como algum motorista que se diz habilitado possa estacionar seu carro na vaga destinada a deficientes físicos ou em frente a guias rebaixadas. Não entendo porque há tanto bairrismos/regionalismos no Brasil e paulistas esculachem nordestinos ou sulistas se achem melhores que amazonenses. Da mesma forma, não encaixa a ideia da intolerância sexual ou racial.

Assumo minha ignorância e gostaria que você que aguentou chegar até aqui sem perder o fio da meada pudesse me ajudar a compreender essas duas situações.

Para terminar minha contribuição sobre esse tema, gostaria de salientar que muitas das explicações sobre esse tema podem ser dadas se considerarmos o origem machista da sociedade. Outra parcela pode ser creditada na conta de Adolf Hitler, que idealizou uma sociedade MUITO longe dos padrões ideais – e que a fragilizada Alemanha aceitou como se fosse uma ideia normal ab ovo – Grande Guerra traumática até hoje.

Enfim… nesse júri, os réus são muitos e o jurado é a consciência de cada um. Use a sua e ajude-me a elucidar esse mistério.

14 pensamentos sobre “Intolerância tem dois lados?

  1. Texto perfeito! A justiça não pode se designada apenas a um grupo que se diz injustiçado, perseguido e discriminado. Tem que haver coerência e cuidado ao se analisar este tema, não podendo beneficiar apenas um dos lados. Sou prova viva deste caso, já sofri sim preconceitos de negros que por eu estar fazendo parte do grupo deles me taxaram de “branquelo” e me excluíram de toda e qualquer atividade deles. Que atitude deveria tomar? Ir à polícia e falar que sofri preconceito por ser branco? A resposta dos policiais seria me mandar arrumar um emprego e parar de ser “fresco”. Agora se fosse o contrário, eu os chamasse de negros, poderia ser linchado em praça pública, iria preso e talvez ameaçado e julgado pelo resto de minha vida. Agora qual a diferença dos dois tipos de preconceitos?

    Desculpa o desabafo, e Parabéns novamente pelo texto!!!

  2. Frank e Thiago,

    Na verdade, fomos criados e talhados pela sociedade… por mais que a gente negue.

    Responda depressa: Você gostaria que algum membro de sua vindoura prole fosse homossexual?

    Você respondeu que sim? Respondeu que não? Fez parte de uma grande leva que diz: “Se meu filho fosse, eu o acolheria.”

    Eu respondo: Meu filho? Será apenas isto: meu filho.

    Já está na nossa memória genética, o repúdio ao socialmente diferente. Por mais que tentemos ser demagogos. Somos apenas humanos.

    Hoje, as minorias, são maiorias. Algo do gênero: os últimos serão os primeiros. Quem mandou os antepassados brancos, homens, heteros, ricos, afirmarem a sua “superioridade” perante os negros, os homos, as mulheres…

    As mulheres se ofenderam e correram atrás… já os demais, talvez tenham se acomodado ao papel de vítimas e não mais se incomodam com este rótulo.

    Abraços.

    • Por algum motivo isso me lembrou aquela pegadinha em que o cara pergunta pro transeunte: “Seu filho é heterossexual?”. O cidadão fica bravo e diz que mataria o filho se ele fosse isso aí..

      Que coisa, não?

  3. Pô Frank, heu ñ conhecia este “lado” do teu Sítio, intoleravel vc pedir ajuda para resolver este mistério, sêr gay ou ñ sêr . . . .

    Heu já te disse para lêr o penúltimo livro da Biblia Kid, cê leu ?

    Lendo; pense . . .

    Se nas “escrituras” sagradas formaliza-se a idéia que haverá um fim, separando o “joio do trigo”, banindo assim o demo e suas hostes (almas), grande parte dela deve estar “encarnada”, vivendo em nosso meio nos dias de hoje, e propagando assim o quê dizem ser de direito do ponto de vista deles, “optar” em sentir prazer sexual com o mesmo sexo, sem serem ofendidos, alias direito nosso tb afirmar que sêr HÉTERO É DIVINO, faz parte do Dom de conceber à vida, ou ñ ? ? ?
    Vidinha dura essa a nossa né ? ? ?
    Optar pelo certo ou errado, livre arbítrio né ?
    Acreditar que existe algo maior do que nossa vã compreensão, tentar juntar os “cacos” das escrituras ditas sagradas, alteradas e formatadas de acordo à beneficiar os dirigentes do “mundo” na época (falo dos Romanos), época em que houve muita “putaria” e a instituição da igreja católica apostólica romana, parte desta almas estão “infiltradas” nesta igreja, ou vc acha que aquelas bichas véias de batina, querendo pegar no “pipi” da mulecada, são santos ?
    JESUS CRISTO, não fundou igreja nenhuma, deu sua vida, para que essas almas se arrependessem de seus pecados e vivessem na harmonia de um único mandamento. Amai ao próximo com queres sêr amado . . . .

    É difidel viver assim Frank ?

  4. Adaptor,

    Temos o direito de livre arbitrio… Seguir o que achamos certo ou errado. De acordo com o quê? A Biblia ou a cabeça de cada um? Para a Biblia, o homo é errado. Mas, na cabeça dele, não está fazendo nada errado.
    Você fala em reprodução… Eu pergunto: qual é mais humano? Parir e abandonar, ou casar-se com o mesmo sexo e adotar? Ninguém segue 100% os ensinamentos… A diferença são os pecados aceitos e os repudiados.

    Abraços

  5. Oi Frank, sêr humano caucasiano me permite ter erros, dificel é digitar sem o os, dasveis os dedo pega duas tecvlas, daí a coisa vira. Brinacr com um negro por causa da cor é uma coisa; lembrá-los que foram escravos é outra . . .

    Sou descendente de degredado Português, e daí ?

    C já procurou sua descendência Brou ? ? ?

    Na web é tão fácil, nos anos 80 a imformação era cara, era à base de livros, c nem imagina os “corre” q a gente fazia pra lêr um livro . . .
    . . . . . . Ou os tipos de ofensas raciais que já ouvi, “tipo” Sabes como diferenciar um judeu de um pão,? Taca os dois no forno e o que gritar é o judeu ou Hitller só errou em uma coisa, ñ conseguiu extermina-los . . .

    . . . . . . . . . . . . . Degradante né?

    O tempo faiz a gente aprender muito sobre as “coisas”, felling

    Seja feliz, questione sempre, é o seu direito

    Até deletar meus desabafos . . .

  6. Cada cabeça é uma sentença, heu ja digitei p/ o Frank quê nessas dúvidas o I CHING, um milenar oráculo usado pelo povo oriental, poderá orientar muito bem se vc pode ou ñ “optar”, faz parte de sêr, ñ vejo textos na Biblia condenando um ente por sêr homosexual e sim por sêr promíscuo, quié o que rola muito em “comunidades gay”, pelo menos é o que heu penso, afinal é o que parece, todo mundo transando com todo mundo, tém muitos héteros que estão nessa e muitos jovens tentando se descobrir e se dar bem em suas opções, mas a promíscuidade vai pegar doído na hora H. Heu vejo desta forma, é minha opinião Gustavo, quanto à uma criança crescer com dois pais do mesmo sexo, qual a orientação que ela vai receber ? Há algum exemplo de criação qua dá certo ? Ou pais héteros são os que criam corretamente, volto ao começo do texto, CADA CABEÇA É UMA SENTENÇA. Já comparei ao Frank em textos anteriores quê ao pecarmos carregamos nossa alma com energias negativas, dectamos-a usando o I GHING, imagine Gustavo , todo um povo ou a raça, seguindo suas tradições onde se inclui o I CHING, feng shui, o respeito ao próximo, respeito ao solo que habita, cai ou ñ no mesmo jargão que JESUS morreu para perpetuar, quié seu unico mandamento, AMAI AO PRÓXIMO COMO VOCE QUÉR SER AMADO ? ? ?
    Heu só acho que em 21/12/2012, na conclusão de uma conjunção estelar que começou em 1987, o bicho vai pegar . . .
    JESUS é a LUZ, só isso.

    • A questão, sr Heitor, é que Vossa Senhoria atribui a mim pecados que são seus. Já falei mais de mil vezes (ok, mais de um milhão). ISSO É PROJEÇÃO!!! Vem cá…. Por mais que você tente ser simpático, posar de inteligente e irreverente, não vai conseguir arrumar um namorado aqui. Aqui não é “par perfeito” nem programa do Silvio Santos. Sugiro que saia, vá a bares, cinemas, festas ou sei lá mais o que e tire esse peso das suas costas. Ou coloque um, dependendo do seu gosto (e o que me parece mais provável, vendo seus textos).

      Outra coisa que eu também já te disse, mas você parece ter esquecido, é que você é um péssimo pregador da palavra de Deus. Seminário Paraguaio, no sentido “falsificado” da palavra. Sério… ô coisinha ruim. Procure ler mais, não misture as panquecas. A impressão que me passa é que você não tenta ME convencer do que diz, mas SE convencer, o que é preocupante.

      Sinto vergonha de ver um siituação humilhante como a sua

  7. Heu ñ sou um pregador Frangood. Nossa; como vc se ofendeu, a pomba gira desceu nusce baby ? ? ? Vai ser preciso di uma “espada” de são Jorge p/disincorporá ? ? ? Ou o Padre amiguinho resorve ?
    Heu sei qui u sítio é seu, e daí, c num leu direito. O recado era p/ o Gustavo, ficou com ciúmes, uuuú Dóóó

    JESUS é o PREGADOR, heu só sou um doido de pedra, lembra ?

    Brincando com meu lego, que agora tá na versão ultimate, heu num intendo mui disso ñ BROA, pode sair do armário, 2º meu prisma, c só num pode sê promíscua, aí c vai têr seu lote nos Céus . . .

    . . . . . . . . . . . . . . .Seguindo a Luz de JESUS é claro !

  8. Adaptor,

    Respondendo a questão sobre a criança adotada por homos. Sou amigo do primeiro bebê adotado por um casal homoafetivo. Ele não é gay, bi, tampouco promíscuo. Casado, pai de um casal de crianças lindas.
    Lembre-se, os gays de hoje, foram criados por heteros. Portanto a opção dos genitores não é certeza para a prole.
    Promiscuidade… Não está no homossexualismo. Está na juventude (que já não está mais tão jovem).

  9. Bom dia, que a Luz do Sol continue a nos iluminar sem prejudicar nossa saúde, é o que espero, pois o ozônio tá indo pru saco. Gustavo faço minha sua fala, novamente. Cada cabeça é realmente uma sentença. Deus habita em todos e infelizmente o diabo tb e é ai que bicho invade e domina a área, essa mania dos jovens de hoje, que com míseros 15 anos de existência, se acharem no direito de serem o que ñ são on line, compromete a “alma” deles, dentro de um plano espiritual onde o certo e o errado é o embasamento para o destino da alma, devemos tomar cuidado com o quê afirmanos, ñ ? Heu acredito em DEUS mas não é só na BIBLIA que me embaso, ela foi montada, formatada e editada pelo mesmo Império que condenou seu filho JESUS à CRUZ; na “legalização” da Igreja Católica pelo então Imperador Romano Constantino cerca de 200 anos após sua morte. Por isso esta igreja carrega no nome ROMANA…
    Realmente Gustavo a juventude ñ está mais jovem, um guri de 7 a 9 anos já está maduro em relação ao que quér sexualmente é seu direito e a maioria culpada disto, são os pais que educam tendo como base para “entretenimento” a “TV”, livres para acessarem qualquér canal. Teém muita merda no ar, literal e retórico. Hoje cedo fui agradecer a DEUS a bondade de nascer mais um dia lindo e ví um jato, em altitude condizente ao seu porte, deichando aquele rastro branco nos ceus; Sabia que isto é puro querozene azul (fluido de isqueiro, combustível de avião), quié descartado antes dele aterrissar, para evitar que ele exploda no impacto do avião com o solo ?
    Prigunto agora pro FRANGOOD, ele é sagaiz, vai atraiz certo, esse querozene descartado no ar, ñ fode a camada de OZÔNIO ???
    Sei que o que digitei não tem nada a haver com o tema intolerancia (será?),e o PLANETA TERRA, sérá que ele tem vida, tendo, tolerará esses humanos que sabendo do prejuízo ecológico, viajam de avião ? ? ?
    21/12/2012 está próximo, e é melhor ñ arriscar, em toda raça humana deste PLANETA, existe a ética do bem e mal e isto é DEUS, para heu ele colocou sua cara em cada tribo deste mundo, da forma que achou melhor em cada raça. Sempre instituindo a diferença entre o bem e o mal. Cabe a cada um decidir o que quér, e heu tento me guiar pelo unico mandamento de JESUS.
    FRANGOOD, não incorpora a SANDRA ROSA MADALENA, para me responder ñ

    Fiquem com DEUS

    Abraços

    . . . . . HEITOR

  10. É FRANGOOD, descurpa heu te provocar, faiz parte, sou doido de pedra, né ? ? ?
    Parabens Gustavo pelo seu amigo, mas heu ñ acho que ele é o 1º, só se for oficial, conheci gente que era criado por duas “tias” e isso só revoltava as corolas, enfim cada cabeça uma sentença.

    Chutei muito o barde no urtimo texto Frank ? ? ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s