South Africa 2010: Brasil x Costa do Marfim

Elfenbeinküste, Ivoorkust, Côte d’Ivoire, Ivory Coast, Costa de Marfil, Costa do Marfim. Não importa de quantas maneiras diferentes você consiga chamar os africanos de uniforme style e exageradamente apertado. Os Elefantes, nossos adversários neste domingo, empataram o primeiro jogo com Portugual e vieram crentes que poderiam arrancar ao menos um pontinho da nossa seleção. Sven-Goran Eriksson (que não tem nada a ver com aquela marca de celulares (ou tem?)) é um excelente técnico e sabia exatamente como levar a cabo essa missão nem tão impossível, dado as circunstâncias do jogo contra a Coréia do Norte

Logo nos primeiros minutos Kaká e Robinho puxaram um contra-ataque. Pena que o pequeno Robson tenha sido fominha e resolvido bater pro gol, em vez de trabalhar melhor a jogada. Prenúncio de um bom jogo? Nem tanto.

A Costa do Marfim acabou por tomar conta do meio campo. Pacientemente trocava passes, esperando o momento certo de lançar a bola para Drogba ou um dos atacantes abertos pelas pontas. A marcação, como era esperado, muito rígida, não deixava o jogo brasileiro fluir. Kaká visivelmente mal e, portanto, nada de bolas pro Luis Fabiano…

Vida de comentarista não é fácil. Quando eu tinha acabado de escrever a ultima linha, Kaká recebeu, do calcanhar de Luis Fabiano, na entrada da área e se livrou da marcação. Devolveu para nosso artilheiro. Com raiva ele encheu o pé e mandou a Jabulani pro fundo do gol dos marfinenses. BRASIL 1xo COSTA DO MARFIM, aos 25′ do primeiro tempo.

Depois do gol, o controle do meio campo mudou de lugar, pra nossa sorte. Agora era o Brasil quem distribuia as bolas, tanto pra Maicon quanto pra Michel Bastos, esse último abaixo da média. Falando em abaixo da média, com 35′ eu me perguntava se Drogba tinha mesmo entrado em campo.

O primeiro tempo terminou e a sensação é de que melhoramos em relação ao jogo contra a Coréia do Norte. Não foi exatamente uma apresentação de gala, mas devemos ter em mente que nessa Copa do Mundo os jogos tem sido duros e, como vocês sabem, resultados surpreendentes tem acontecido com certa frequência. Um a Zero tá de bom tamanho.

Mas ainda não acabou.

Logo no comecinho do segundo tempo, Luis Fabiano recebeu na entrada da área, deu um chapéu com a bola passando meio que pela orelha do adversário, trombou, conseguiu um segundo chapéu, matou meio no peito, meio no braço, trombou de novo e bateu consciente, no canto esquerdo do goleiro. Uma golaço, uma obra de arte, coisa linda…. uma mistura de habilidade e força, talento e raça… Espetacular. BRASIL 2×0 COSTA DO MARFIM.

Muita gente já estava surpresa com 2 a 0. Imagina se eu disser que fizemos o terceiro gol. Pois é…. Kaká recebeu pela esquerda, procurou o espaço na linha de fundo e cruzou pra trás. A zaga da Costa do Marfim deu uma cochilada e Elano apareceu como uma flecha amarela para marcar a tripleta brazuca. BRASIL 3×0 COSTA DO MARFIM.

Assim é o jogo do Brasil. Não SUFOCA, mas é eficaz.

Numa jogada duríssima, Elano entra de carrinho (de forma imprudente, diga-se) e o marfinense deixa o pé na canela do autor do terceiro gol. Ele sai chorando e carregado pelos massagistas, substituido em seguida por Daniel Alves. Engraçado que muitos pediam – e pedem – essa substituição, entretanto, já é o segundo gol + assistência que Elano dá. Daniel Alves sim, mas sem tirar nosso meia.

Enquanto isso, Drogba, sem ritmo de jogo, corria. E Gervinho, pra nossa sorte, esquentava o banco.

Aos 23′, lançamento para o sonolento Drogba. Juan cortou parcialmente. A bola voltou até a intermediária e foi alçada na área. Ih… olha lá quem subiu sozinho pra marcar o primeiro gol da Costa do Marfim. Ele mesmo… o sonolento mas preciso Didier Drogba. Falhou a zaga brasileira, pela segunda vez nesse mundial. BRASIL 3×1 COSTA DO MARFIM.

Um detalhe importante nessa partida foi a violência empregada pelos marfinenses. A marcação dura do primero tempo transformou-se em desleal. Michel Bastos, Kaká, Luis Fabiano e mais seriamente Elano (suspeita de fratura na perna) foram atingidos por pernadas e sopapos. O BRASIL, MUITO INGENUAMENTE, REVIDOU. O resultado foi a expulsão de Kaká, após a simulação de uma cotovelada,  aos 43′.

Copa do Mundo é Copa do Mundo, como diria o Lima Duarte.

E assim terminou a segunda partida da Seleção. Dunga sai irritado com a péssima atuação do juiz, mas satisfeito por já ter garantido a vaga nas 8as de final. Agora é vencer Portugal para enfrentar ou Suiça ou Espanha, que teoricamente disputarão as primeiras colocações do grupo H. Teoricamente, pois nada é certo nessa Copa.

Notas rápidas:

Luis Fabiano desencantou e Kaká melhorou. Pena que não vai jogar dia 25.

Elano tem se mostrado outra peça chave do esquema. Tão importante quanto Maicon.

Quem entra no lugar de Kaká, dia 25 contra Portugal? Pelo jeito a briga está entre Ramires e Julio Baptista. Aposto no último, por ser brigador.

Robinho sumiu hoje. Ainda bem. Seleção boa é aquela que tem vários que podem brilhar e não apenas um.

Que fase da França. Time ruim, técnico perdido, imprensa furiosa e até juiz fazendo bobagem…

Felipe Melo ainda não fez bobagem. Que continue assim.

Quem nasce na Costa do Marfim é marfinense, costa-marfinense ou ebúrneo. No caso dos 11 em campo, também podem ser chamados de lutadores de MMA.

6 pensamentos sobre “South Africa 2010: Brasil x Costa do Marfim

  1. Pingback: Tweets that mention South Africa 2010: Brasil x Costa do Marfim « Ideia Fix -- Topsy.com

  2. Pingback: World Wide News Flash

  3. Acho que Dunga deixou o Kaka, mesmo percebendo que rolaria expulsao, para zerar os cartoes… Correr risco de cartao no jogo contra Portugal, deixando-o suspenso contra Suiça/Espanha?!?!

    3 X 1… Ate aqui, acertei os dois resultados. Ainda nao me inspirei para o jogo de Portulgal. Quando vier, eu digo.

    Alias, se Portugal perder ou empatar, Dunga so vai jogar com os reservas (se bobear, perde para nao enfrentar a Espanha).

    • Não creio que o Dunga vá enrar com reservas. Ele não é tão criativo assim.

      E sim.. tá quase todo mundo chingando o Dunga, mas de certa forma, a expulsão ajuda o Brasil exatamente porque não corremos o risco de perder kaká contra Suiça/Espanha

  4. Pingback: Diario da Serra - Noticias da Serra do Teixeira

  5. er… Suiça/Espanha/Chile?!

    Dunga pode nao ser criativo, porem, ele gosta de dar oportunidades, vide que titulares, nesta seleçao, nao ha praticamente nenhum da ultima copa.
    E, mesmo nao sendo criativo, ele nao e (tao) burro.

    Mas, com o resultado de Portugal, talvez seja outro time. Diante de indefiniçao da outra chave, talvez ele nao arrisque.

    Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s