Despachos de Sábado

Os ânimos continuam exaltados na Câmara dos Vereadores de Itatiba. Terça-feira foi a vez da edil Irene Fumach jogar a bosque toda no ventilador e dizer que o dono do Jornal de Itatiba só apoiava a aprovação de um Projeto de Lei que autorizava repasse de verbas para as Organizações Sociais porque a empresa de ônibus dele ganharia, “religiosamente, 70 mil reais todo mês”.

Eu não sei bem o que ela quis dizer com isso, até porque a TCI não parece se encaixar na categoria de Organização Social (ou eu que entendi errado, enfim…), mas não lembro de críticas tão ácidas quando o marido dela era Prefeito.

Eu só sei de uma coisa: tá cada dia mais interessante acompanhar os vereadores da situação, da oposição e o J.I. trocando farpas. Não é lá muito eficaz na hora de resolver os problemas da cidade, mas ao menos há uma discussão de ideias e rejeita-se a abaixada de cabeça automática. Isso é saudável…

Na quarta-feira esse blog atingiu 400.000 visitas. Não é nada, não é nada…. não é nada mesmo. Mas obrigado a você que visita, comenta e se diverte de montão lendo os textos e dando gostosas gargalhadas.

Essa galerinha da pesada ainda aprontará confusões que até Deus duvida. Fique ligado, porque o Ideia Fix é osso duro de roer…

Quem lê os Despachos sabe que eu gosto muito de enlatados americanos, e olha que eu não me refiro as nojentas salsichas ou feijoada  em conserva. É das séries que eu falo.

Deixei um pouco de lado os crimes de CSI, NCIS e a psicopatia de Criminal Minds para me aventurar no sagaz mundo dos advogados. Comecei a primeira temporada de Shark. Assisti uns 4 ou 5 episódios e tenho achado muito legal. O ritmo é alucinante, tão alucinante que o protagonista, Tony Sebástian Stark, fala tão rápido que as vezes eu perco o ritmo da legenda. E olha que eu já sou veterano nessa coisa de ler as letrinhas amarelas/brancas.

Claro, ele é um fiodaputcha incorrigível e egocêntrico, que não tem respeito as regras. E ganha todos os casos, obviamente.

Responda a enquete aí ao lado: Quando você faz café com leite, você costuma colocar primeiro o café e completa com leite ou faz exatamente o oposto (ou seja, colocando o leite antes do café)?

Essa semana que passou comemoramos (?) o Dia do Amigo. Que os meus me desculpem, mas que baita falta do que fazer. Sério. Qual é o sentido de parabenizar seu amigo pelo dia dele? Tipo… ele devia saber disso todos os dias. Ou melhor…. se ele é seu amigo, MESMO, ele sabe disso. Não precisa de dia específico pra dizer quanto você gosta dele ou quanto ele é importante na sua vida…

Acho que, no máximo, foi o dia do colega.

Ainda sobre amigos, acho que as pessoas nivelam, por baixo, o sentido da palavra “amigo”. Ninguém tem tantos amigos quanto acha que tem e, certamente, todos tem menos amigos do que merecem.

O pessoal não parece ter gostado desse vídeo, mas, ao contrário, achei muito interessante. Praticamente num take só, o Lima Duarte (que não morreu) expõe o “drama” das pessoas que vivem sem tecnologia e de repente se vêem cercados de informação, imagens e sons totalmente diferentes… “um mundo que a gente nem sonhava que existia

Me lembrou aquelas matérias clichê que um tiozinho caipira com o pé todo esculhambado é levado pra “ver o mar” pela primeira vez. Toda apreensão em colocar o pé na água, constatar que ela é salgada… essas coisas.

“Foi aí que aconteceu um reverso… um sinal que veio de lá do céu e… CATAPIMBA!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s