F1 2012: GP de Cingapura

Safety Car, disputas e toques. Esse foi o GP de Cingapura.

Hamilton que, largou na pole, manteve a posição na largada, diante de um Maldonado, ao seu lado, passivo para os seus padrões. E a corrida foi uma “procissão” até o inesperado dar o ar da graça.

Primeiro, foi Hamilton que parou com problemas na marcha para a alegria de Fernando Alonso no campeonato, assim, Vettel assumiu a ponta até o final com Button em segundo e o espanhol em terceiro.

Logo depois, Karthekian beijou o muro com a “carroça” da Hispania e provocar o primeiro Safety Car da prova. E ai, foi a vez do tio Schumacher fazer o seu “pancadão” na traseira do Vergne. Tá na hora de parar meu filho! E quem parou foi o Maldonado com problema hidráulico.

Resultado de tudo: Muitos pits, gente colada na pista e muitos toques.

Os brasileiros: Massa que largou em décimo terceiro, caiu para último e com toda essa confusão terminou em oitavo. boa prova! Já Bruno Senna vinha bem também, mas parou. Alguém precisa dar uma cartilha de “Como fazer bons treinos” para ele.

O campeonato

Alonso 194 pts; Vettel 165 pts; Raikkonen 149 pts; Hamilton 142 pts; Massa 51 pts; Senna 25 pts;

Próxima corrida: GP do Japão, dia 7 de Outubro.

Homenagem: Se a F1, hoje tem um nível de segurança extraordinário e não vemos mais tragédias como as de Ratzembeger, Senna e muitos outros, deve-se muito ao Sr. Sid Watkins. Chefe médico geral da F1 por muito anos, ele sempre lutou pela integridade dos pilotos e era querido por todos do meio. Watkins morreu no últmo dia 12.

  

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s