F1 2013: GP da Índia

Prefácio do tetra

Sebastian Vettel foi tretacampeão. Do alto dos seus 26 anos, ele alcança a glória máxima do automobilismo pela quarta vez consecutiva. Muito provavelmente, Alonso, com equipamentos iguais, seja do mesmo nível. Mas, não importa. O que esse muleque fez é para muito poucos. Ele é gênio? sim, mas, é humano também com falhas e defeitos. O que não apaga a consistência e a velocidade de “Seb”, que junto com Adrian Neway “deram asas” a uma máquina. Agora, Senna e Fangio, te aplaudem do céu. Isso, sem falar, em Schumacher, Hill, Villeneuve, Fittipaldi, Piquet, Prost, Mansell, Button, Lauda, Stewart e, muitos outros campeões, te reverenciam, menino! São por pilotos como você, que estamos aqui. Parabéns!

Imagem

Os outros

Rosberg: consistente na prova. Soube escolher a estratégia certa de corrida. Premiado com o 2º lugar.

Grosejan: para confirmar a sua permanência na Lotus e a sua evolução, foi muito bem! Largou em 17º e chegou em 3º.

Massa: bela prova do brasileiro! Dentro das atuais condições da Ferrari, e dele próprio, grande 4º lugar. Vejamos para onde vai.

Hamilton: corrida burocrática. 5º lugar.

Alonso: dois ‘totózões’ na largada. Uma prova trágica. Pelo menos, poderia ter brigado, lá na frente.

Webber: péssima largada e grande prova, até o alternador quebrar. Acontece… Mais com ele, é verdade!

Próxima prova: GP dos Emirados Árabes, dia 3 de novembro.

      

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s